domingo, 30 de janeiro de 2011

Marshall e Ford falam sobre Indy 5



Entrevista com o ator e tweet de produtor foram as últimas novidades.
Leia Mais...

Em entrevista ao site do jornal irishtimes.com, Harrison Ford fala sobre a carreira enquanto promove seu novo filme, Morning Glory (Uma manhã gloriosa), com estréia marcada para 18 de março no Brasil.

A confirmação de que Ford era o nosso homem veio, claro, com Os Caçadores da Arca Perdida, em 1981. Como Star Wars, o projeto não atingiu todos os observadores como uma certeza financeira.

"Eu acho que foi mais ambicioso do que você sugere. Mesmo desde o início. Eu via aquelas séries antigas também. Mas o primeiro filme de Indiana Jones foi feito por um bem sucedido cineasta, Steven Spielberg, e ele não iria fazer algo pobre e sub-dimensionado", disse o ator.

Atores que se tornam identificados com papéis icônicos - e poucos são mais icônicos do que o arqueólogo - às vezes, chegam a ressentir-se de suas criações. Trinta anos depois de Os Caçadores da Arca Perdida aniquilar o mundo bilheterias, os apostadores ainda pensam em Harrison Ford como Indiana Jones. O personagem se tornou um representante da cultura pop como Batman ou Mickey Mouse.

"Não. Isso nunca me incomodou ", diz ele. "Isso não me incomoda em nada. Eu podia ver as conexões. O sucesso era manipulável e eu pude usá-lo para fazer um filme de Jack Ryan, ou fazer o K-19: The Widowmaker, tudo porque eu tive esse sucesso. Eu só pude pegar aqueles para fazer por causa de Indiana Jones e assim por diante."

De qualquer forma, ele justificou seu afeto por Indiana Jones retornando para ao papel em 2008 com Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal. Situado na década de 1950, com alienígenas e caça às bruxas comunista, não era um filme ruim, mas você ainda se pergunta por que ele incomodou. Existem outras coisas. Será que Spielberg e Lucas (que escreveu a história e co-produziu) tiveram que convencê-lo?

"Fiquei muito feliz em fazê-lo. Achei que tínhamos um roteiro forte. Estávamos conversando sobre isso há muitos anos. Eu queria que avançássemos no tempo para 1950. Eu queria que envolvesse a era McCarthy. Então eu estava seriamente envolvido no filme."

A conversa avança para um quinto episódio. "Sim, sei que há um germe de uma idéia e que George chega primeiro nele . Ele e Steven trabalham nisso. Então dou minha opnião até certo ponto e, se tudo der certo, vamos em frente. "

Já Frank Marshall, em sua página no Twitter, disse que "Não existem atualizações sobre Indiana Jones ou Last Airbender..."

0 comentários:

Postar um comentário

 

©2009/2013 Indiana Jones Brasil - Alguns direitos reservados | Nomes, imagens e outros são marcas registradas dos seus proprietários.